Início > pensando > O dia da flecha

O dia da flecha


Em minha alta quilometragem rodada frequentando cerimônias de casamento, posso afirmar que em aproximadamente onze de cada dez cerimônias, o celebrante acaba citando o Salmo 127 – integral ou parcialmente. Ei-lo:

Se não for o Senhor o construtor da casa, será inútil trabalhar na construção. Se não é o Senhor que vigia a cidade, será inútil a sentinela montar guarda.
Será inútil levantar cedo e dormir tarde, trabalhando arduamente por alimento. O Senhor concede o sono àqueles a quem ama.
Os filhos são herança do Senhor, uma recompensa que ele dá.
Como flechas nas mãos do guerreiro são os filhos nascidos na juventude.
Como é feliz o homem cuja aljava está cheia deles! Não será humilhado quando enfrentar seus inimigos no tribunal.

Salmo 127

Posso testemunhar que a analogia do casamento com uma casa que começa a ser construída é pertinente e tem edificado muita gente no projeto familiar, que é nascido no coração de Deus.

Mas o dia de hoje é especial para mim particularmente pelos versos 3 e 4, que dizem…

Os filhos são herança do Senhor, uma recompensa que ele dá.
Como flechas nas mãos do guerreiro são os filhos nascidos na juventude.

É muito apropriada a associação dos filhos como a figura da herança. Essas crianças (serão sempre crianças, como se sabe) são o legado mais precioso de uma casa construída com amor, carinho, determinação e humildade.

Mas o salmista prossegue e descreve os filhos também como flechas na mão do guerreiro. A vocação da flecha é ir para o arco e, com a liberação da força da corda tensionada, voa, rompe o espaço até o alvo. Como pai, o ato de atirar a flecha é motivo de desprendimento, ruptura, emoção, expectativa. andre

Hoje, 9 de agosto de 2015, meu coração se enche de orgulho, esperança… e também de um certo aperto no coração, devo admitir. André, que tantas vezes nossa família poliu, ajustou, encerou, protegeu, investiu para tornar afiado, voa para Portugal em uma jornada de estudo pela qual batalhou e sonhou.

André, que você voe certeiro e desimpedido rumo ao objetivo que está à sua frente, sabendo que sua família e seu Deus esperam ver sua missão cumprida e seu alvo atingido, como instrumento afiado e útil para o serviço do Reino!

Hoje… hoje é o dia da flecha!

Anúncios
Categorias:pensando
  1. Heloisa
    agosto 10, 2015 às 3:19 am

    Ah…Lau…nao sei como voce, consegue descrever com tanta singeleza este vôo.
    Eh, olha que sou tia…estou aqui com o coração apertado, imagino tudo o que voce esta sentindo.
    Meu irmão, estou orgulhosa de voce, da família que voce tem e de tudo o que fez para chegar até aqui…que batalha, que luta!!! Voce, Clice, Andre, Filipe…Deus eh Maravilhoso. Nao dá pra imaginar que nao fosse assim.
    Que Deus os tenha sempre em seu cuidado, abençoe e faça o tempo passar rapido.
    Este André eh uma figura!!! Vai aquecer muitooo o coração dos tios lá, vao aprontar muito!!!…rss
    Um beijo e um abraço carinhoso da sua “irmazinha querida do coração”..rss,
    Eu.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: